Avatar Wiki
Advertisement
Emblema do Reino da Terra


Pentacatapora foi o nome de uma doença falsa inventada por Katara e Sokka para impedir que as forças armadas da Nação do Fogo descobrissem que a Equipe Avatar não pertencia a Nova Ozai. Esta alegada "doença" foi usada mais tarde para ajudar a fuga da Resistência de Omashu da cidade. [1]

História[]

Enquanto na cidade de Omashu ocupada pela Nação do Fogo, Avatar Aang, Katara e Sokka se viram encurralados por guardas da Nação do Fogo, um dos quais percebeu os pontos no rosto de Sokka que haviam sido deixados pelos pentapus roxos. A fim de manter suas identidades escondidas, Katara disse que Sokka estava sofrendo de pentacatapora, uma doença fictícia que ela inventou no momento. Seu irmão brincou fingindo sofrer de sérias dores físicas e, preocupado com a própria segurança, os guardas da Nação do Fogo fugiram aterrorizados.

Para escapar da cidade de Omashu, Sokka inventou um plano que envolvia uma peste de pentacatapora. Os soldados da resistência distribuíam pentapus, que os cidadãos usaram para se cobrir com marcas de sucção; eles começaram a andar pela cidade de uma maneira similar a zumbis, gemendo que estavam gravemente doentes. Por ordem do governador, os cidadãos foram expulsos dos portões para livrar a cidade da peste. [1]

Descrição[]

Katara descreveu a epidemia como fatal e altamente contagiosa. Uma pessoa que tivesse pentacatapora poderia ser facilmente identificada pelas numerosas marcas roxas em todo o seu corpo. As marcas foram criadas com o uso de um pentapus roxo, que se agarrava à pele humana e deixava para trás marcas de seus tentáculos após a remoção. Os "infectados" também adotaram uma caminhada desleixada, expressão frouxa e gemido alto, fazendo com que se parecessem com uma horda de zumbis. [1]

Trívia[]

  • Toph antecipou-se a Sokka quando ele estava prestes a explicar seu plano de assumir os navios inimigos em "A Ponte", assegurando que ele não contaria sua "história de pentacatapora" novamente.
  • Os alegados indicadores de pentacatapora assemelham-se aos da doença real catapora, uma doença que também tem marcas vermelhas distintas como um sintoma.
  • A incidência em que um dos guardas erroneamente lembrou a morte do primo de seu colega de trabalho de pentacatapora espelha o processo psicológico de sugestão, que é conhecido por causar a formação de falsas memórias.

Referências[]

  1. 1,0 1,1 1,2 Retorno à Omashu. Avatar: A Lenda de Aang. Temporada 2. Episódio 3. Nickelodeon. (7 de abril de 2006). Elizabeth Welch Ehasz (roteirista) & Ethan Spaulding (diretor).

Veja também[]

  • Omashu
  • Resistência de Omashu
  • Pentapus Roxo
Advertisement