Avatar Wiki
Advertisement
Emblema da Dobra de ÁguaEmblema espiritual


"A nossa força vem do Espírito da Lua, a nossa vida vem do Espírito do Oceano. Eles trabalham juntos para manter o equilíbrio"
Yue falando sobre o espírito. [1]

La, o Oceano, é um dos dois Espíritos que residem no Oásis Espiritual do Polo Norte, na capital da Tribo da Água do Norte. Irmão de Tui, o Espírito da Lua, eles trabalham juntos para manter o equilíbrio. Há muito tempo, ambos desistiram de sua imortalidade e migraram do Mundo Espiritual para o mundo mortal, assumindo a forma de animais.

Quando Tui foi morto por Zhao, ele se ligou ao Avatar para destruir os assassinos de sua irmã, os invasores da Nação do Fogo. Dessa forma, destruiu boa parte da Marinha do Fogo e arrastou Zhao para o Nevoeiro das Almas Perdidas, pouco antes de Yue se sacrificar para devolver a vida a Tui. Após isso, La deixou Aang para voltar à sua eterna dança com seu irmão.

História[]

Segundo relatos, "no início dos tempos", La e Tui decidiram se manifestar no mundo físico para beneficiar a humanidade, estabelecendo-se numa alcova de Agna Qel'a. Eles criaram o oásis no Polo Norte e assumiram a forma de dois peixes-carpas.[2] A partir de então, o Espírito do Oásis se tornou o ponto de referência mais precioso da cidade.

Arquivo:Koizilla destroys the Navy.png

Aang e o Espírito Oceano aniquilam a Marinha da Nação do Fogo.

Muito tempo depois, a Nação do Fogo iniciou um cerco à Tribo da Água do Norte em 100 AG, durante o qual o almirante Zhao capturou e matou Tui, o Espírito da Lua. Sem sua contraparte, La ficou nadando freneticamente na piscina. Ao fazer contato visual com La, Aang entrou no Estado Avatar e entrou na água do Espírito do Oásis, onde o Espírito Oceano começou a nadar ao redor dele. Os dois se fundiram para formar Koizilla, uma figura colossal semelhante a um peixe, e rapidamente aniquilaram as forças terrestres da Nação do Fogo e a frota da marinha com seu domínio superior da dobragem da água.

Quando La percebeu que Tui havia sido revivido pelo sacrifício da Princesa Yue, o espírito cessou sua fúria destrutiva e se separou de Aang, deixando-o nas muralhas de gelo da cidade, e retornou ao Espírito do Oásis. No caminho, ele encontrou Zhao e Zuko em duelo; para vingar o ataque a Tui, o Espírito Oceano formou um braço feito de água e arrastou Zhao para baixo da superfície,[3] eventualmente aprisionando-o na Névoa das Almas Perdidas.[4]

Koizilla[]

Arquivo:Koizilla.png

La se conecta espiritualmente com Aang.

Koizilla foi o ser que La se tornou quando se uniu a Aang no Estado Avatar. Feito inteiramente de água e luz, essa criatura destrutiva é literalmente a fúria do oceano em forma física.[5] Nesse estado, La era capaz de aniquilar dezenas de soldados e tanques da Nação do Fogo, bem como a frota de invasão de Zhao.[3]

Aparições[]

Avatar: A Lenda de Aang[]

Livro Um: Água (水)[]

Livro Dois: Terra(土)[]

Jogos de Avatar[]

  • Avatar: Generations

Trívia[]

  • La () significa "puxar" em mandarim, enquanto "Tui" () significa "empurrar". De acordo com a Princesa Yue, os antigos dobradores de água viam as marés empurrarem e puxarem, dando uma pista para a existência dos Espíritos do Oceano e da Lua na tribo.
  • Tui e La se assemelham ao símbolo chinês do yin-yang, um símbolo de equilíbrio e taoísmo, em sua coloração e maneirismos. La representa o Yin em aparência, sendo associado ao frescor, escuridão e água, e o Yang em personalidade, sendo associado à atividade e força. Além disso, Aang visualizou os dois como um símbolo de yin-yang pouco antes de entrar no Mundo Espiritual, e Koh especificamente destacou isso ao contar a Aang sobre a identidade de Tui e La.[3]
  • Os criadores de Avatar apelidaram a fusão de La e Aang de "Koizilla", pois Dave Filoni era fã de Godzilla.[6]
  • A segunda forma do Espírito do Oceano se assemelha muito à forma Noturna do Espírito da Floresta do filme Princesa Mononoke de Hayao Miyazaki.
  • Um petróglifo representando Tui e La se entrelaçando estava presente na parede de pedra atrás da cachoeira no escritório de Tarrlok.[7]
  • Em 102 DG, um brinquedo de pelúcia retratando La como Koizilla estava presente em uma prateleira de um dos jogos de carnaval em um festival organizado por Malina e Maliq na Tribo da Água do Sul.[8]

Referências[]

  1. O Cerco do Norte Parte 1. Avatar: A Lenda de Aang. Temporada 1. Episódio 19. Nickelodeon. (2 de dezembro de 2005). Aaron Ehasz (roteirista) & Lauren MacMullan (diretor).
  2. Do antigo site oficial de Avatar: A Lenda de Aang, originalmente em Nick.com. Em inglês; já não mais atualizado, nem disponível. Enciclopédia arquivada em aqui. The Lost Lore of Avatar Aang - Waterbending.
  3. 3,0 3,1 3,2 O Cerco do Norte Parte 2. Avatar: A Lenda de Aang. Temporada 1. Episódio 20. Nickelodeon. (2 de dezembro de 2005). Aaron Ehasz (roteirista) & Dave Filoni (diretor).
  4. Cai a Escuridão. A Lenda de Korra. Temporada 1. Episódio 25. Nickelodeon. (22 de novembro de 2013). Joshua Hamilton (roteirista) & Colin Heck (diretor).
  5. Do antigo site oficial de Avatar: A Lenda de Aang, originalmente em Nick.com. Em inglês; já não mais atualizado, nem disponível. Enciclopédia arquivada em aqui. Creature: Koi Fish Spirit Monster.
  6. DiMartino, Michael Dante; Konietzko, Bryan & Ehasz, Aaron (19 de setembro de 2006). Comentário de "The Siege of the North, Part 2". DVD Book 1: Water, Volume 5 de Avatar: The Last Airbender.
  7. Quando os Extremos se Encontram. A Lenda de Korra. Temporada 1. Episódio 8. Nickelodeon. (2 de junho de 2012). Michael Dante DiMartino, Bryan Konietzko (roteiristas) & Joaquim Dos Santos, Ki Hyun Ryu (diretores).
  8. DiMartino, Michael Dante; Konietzko, Bryan; Yang, Gene Luen (autor), Sasaki of Gurihiru (penciling, inking), Kawano of Gurihiru (colorista), Heisler, Michael; Comicraft (letrista). Norte e Sul Parte Dois (25 de janeiro de 2017), Dark Horse Comics.
Advertisement