Avatar Wiki
Advertisement
Emblema da República Unida das Nações.png


O Conselho da República Unida era o órgão de governo da República Unida das Nações. É uma assembleia deliberativa composta por representantes do Reino da Terra, da Nação do Fogo, dos Nômades do Ar e Tribo da Água do Norte e do Sul.

História[]

Para a chegada do Avatar Korra na cidade, depois de uma reunião em que a capacidade de Amon para eliminar permanentemente o controle de um dominador foi discutida, o Conselho deliberou sobre o melhor curso de ação a ser levado. Tarrlok propõe a criação de uma força especial para encontrar Amon e levá-lo à justiça. O conselheiro Tenzin se opôs a este movimento agressivo, dizendo que não funcionaria, e dividiria ainda mais as comunidades de Dominadores e não Dominadores da cidade. Tenzin reafirmou sua oposição a Tarrlok, que se ofereceu para liderar o grupo, pois era uma estratégia para ganhar mais poder. Para obter a aprovação dos outros três membros do Conselho, Tarrlok fez uma comparação entre suas próprias ações contra Amon e as ações de Avatar Aang contra Yakone, afirmando que ambos estavam dispostos a lidar diretamente com a raiz do problema.

Dissolução[]

Presidente Raiko

Após os eventos que encerraram a Revolução Anti-Dobra, o Conselho se desintegrou devido à sua incapacidade de representar efetivamente os interesses de toda a população, foi dada uma democracia e as eleições foram realizadas para escolher o que seria o primeiro presidente da República Unida das Nações, com Raiko como vencedor e o Conselho extinto oficialmente, o primeiro sistema de governo democrático e presidencial no mundo de Avatar foi iniciado.

Organização[]

O Conselho de Cidade República era uma assembleia deliberativa que consistia em cinco membros, cada um representando uma das quatro nações, mas com as tribos da água do sul e do norte sendo representadas individualmente. Cada membro do conselho usava uma insígna dourada em suas roupas. O broche era da mesma forma daquela localizada na janela do Hall da Cidade. O título de cidadão honorável era dado aos conselheiros incluindo o Conselheiro chefe.

Conselheiro chefe[]

O conselheiro chefe era o moderador e o porta voz do Conselho. O conselheiro chefe gerenciava o Conselho e conduzia as reuniões de forma ordenada, e se dirigia ao público como chefe de Estado para a República Unida das Nações. O presidente usou um martelo de madeira para manter a reunião e a deliberação em ordem. O presidente durante o início da Revolução Anti-Dobra foi o representante da Tribo da Água do Norte, o conselheiro Tarrlok. Num dado momento, o Conselho foi presidido pelo conselheiro Sokka. Durante a batalha pela Cidade da República, todos os membros do Conselho, exceto Tenzin, foram capturados antes que um novo presidente fosse escolhido para substituir Tarrlok. Até que os membros do Conselho retornassem ou fossem reconduzidos, Tenzin poderia tomar decisões e falar em nome do Conselho sem qualquer deliberação.

Advertisement